Arquivos do Blog

1ª Corrida do Descobrimento 2014

Anúncios

Numa fria manhã de Inverno

São Paulo Fixed Gear Bike São Paulo Fixed Gear Bike São Paulo Fixed Gear Bike

Primeira corrida de 2013: Prova do Aniversário de São Paulo – 10K

Prova aniversário de São Paulo - 25/01 - Corrida de Rua

Sim, fizemos a primeira prova do ano! Fiquei muito feliz pois meu sobrinho Daniel, depois de uma cirurgia, outros problemas no joelho e uma fase pesada em 2012, começou bem 2013. Aliás, foi uma prova muito legal, pois encontramos com a Angélica e a Mariana, e fizemos boa parte do percurso juntos. Claro que cada um tinha o seu ritmo, mas fomos ajustando para que chegássemos o mais próximos possível na chegada. Foi em uma manhã de sexta feira (feriado em SP), no dia 25 de Janeiro. Atualmente essa prova recebe o nome de “Corrida do Aniversário de São Paulo”. Nos últimos anos, houve concorrência com outro evento realizado no mesmo dia, só que de bike (o World bike tour).
Abaixo alguns registros fotográficos da prova:

Prova aniversário de São Paulo - 25/01 - Corrida de Rua
Pós prova com os amigos e amigas no Obelisco 

Prova aniversário de São Paulo - 25/01 - Corrida de Rua
Angélica mandando ver adentrando o Viaduto que passa sobre a Rubem Berta 

Prova aniversário de São Paulo - 25/01 - Corrida de Rua
Concentração pré-prova 

Prova aniversário de São Paulo - 25/01 - Corrida de Rua
Mariana à direita da Foto…

Prova aniversário de São Paulo - 25/01 - Corrida de Rua
…E Angélica à esquerda 

Prova aniversário de São Paulo - 25/01 - Corrida de Rua
 Meu sobrinho Daniel voltando para as corridas de rua
Prova aniversário de São Paulo - 25/01 - Corrida de Rua
Angélica e Mariana: Running like a woman! 

Prova aniversário de São Paulo - 25/01 - Corrida de Rua
 Chegada!!!!

Prova aniversário de São Paulo - 25/01 - Corrida de Rua
Só os fortes irão entender. Não disseram que era fácil, mas também não disseram que era impossível! 

Prova aniversário de São Paulo - 25/01 - Corrida de Rua
KM’s Finais

Primeiro Café com Pedal – Passeio de Bike na Ciclofaixa (O depois)

Manhã de domingo, 4:39 a.m. Demorei a dormir com a ansiedade do evento. No dia anterior já tinha deixado tudo bem separado: cadeados, roupas, capacete, luvas e claro, as bikes (Sim, AS bikes, pois a Amanda ia usar a minha Moutain).
Eu não tenho o costume de reunir muitas pessoas para me acompanhar em passeios. Creio que ainda seja herança da minha dificuldade em socializar e também à dura rotina de sábados e domingos madrugando, onde quase ninguém acordava no mesmo horário para fazer as atividades (Corrida, ciclismo, estudo, etc.).
Por volta de 5:40 a.m. eu já estava pronto, e fui arrumar as bikes para encontrar com o pessoal.
Qual foi a minha surpresa quando cheguei às 6:45 na casa da Clau e…
… A Clau não atendia! Então pensei: Putz. Acho q vamos atrasar. Pelo Facebook, a amanda já estava aguardando há um tempinho, e também tinha achado estranho a Clau não manter contato pela manhã. A Débora e o Danilo me avisaram que iam atrasar um pouco. Então eu imaginei: Blz, como eles vão atrasar dá tempo da gente ir rapidinho e chegar uns 15 minutos depois.
Foi quando estávamos na Avenida Jornalista Roberto Marinho e já eram 7:15 =/. A Débora havia mandando um SMS dizendo q já chegou. E então pensei: Temos q chegar rapidinho lá.
Apesar de não ter transito, acabamo chegando uma meia hora atrasados, e como também precisamos desmontar as bikes, acabei chegando na estação por volta de 7:45. O início do pedal estava marcado para as 7:00 a.m…
Mas chegamos! E lá percebi uma coisa muito importante: Sempre que você fizer algo com café, faça o Café primeiro! Rsrs.
Todos estavam com fome pois o objetivo era começar às 7 horas, então nada melhor que nos reunirmos para isso. Fomos na vitória régia (Que até hoje eu considero a melhor padoca para quem está na Vila Olimpia e está andando de bike), tomamos um belo café da manhã e depois começamos o pedal.
Como a Amanda queria ir um pouco mais devagar, ela e a Claudia ficaram pelas proximidades, enquanto eu, o Danilo e a Débora fomos em direção ao parque do chuvisco e ao Ibirapuera.
Acabamos pedalando em torno de 16KM’s, na manha, e conversando sobre vários assuntos. Foi bem bacana. Chegando no Ibirapuera, fizemos uma pausa pra tomar uma água de coco e o Danilo  a Débora aproveitaram pra verem como é andar na bike fixa. Paramos perto da fonte do Ibirapuera.
Depois do passeio, hora de voltar e reencontrar com a Amanda e a Clau, que estavam na VO.

As três magrelas, de longe, descansando no parque do Ibirapuera 

Danilo & Débora, e eu no Ibira

Apesar do atraso pela manhã, pela mudança dos planos e não fazermos tanta quilometragem, o passeio foi muito bom! Eu não tinha o costume de fazer os encontros com a galera nesse modelo que foi feito, normalmente encontro com vários amigos já na corrida ou durante ela. E quando reunimos pessoas com uma intenção em comum, o clima é de muita alegria e histórias engraçadas.
Assim espero que este seja o primeiro de muitos e que façamos cada vez mais cafés com pedais.

[PS: Sorry meninas (Amanda e Clau), não tiramos fotos juntos nesse dia, foi uma pena. Na próxima vou lembrar de registrar fotograficamente =) ]

Corrida Carrefour Viver 10K – 2012

Ismael Paulo Santos e Lucia Yoshie Sakurai nas corridas de Sampa - 2012 :) Runners After All

Damm! Como eu estou atrasado com os posts. Fui consultar meu último relato sobre provas e remeteu a Janeiro! Na prova de Santo Amaro!!! Bem, tá certo que eu não fiz tantas provas este ano, mas são quase 5 meses sem uma atualização, rsrs.
Pois bem, a prova após o aniversário de Santo Amaro foi a do aniversário da Capital (São Paulo) no dia 25 de Janeiro (Feriado por aqui). Aproveitei o convite da Patricia Melendi e fiz os 10K desta prova, acompanhado da minha amiga Lucia. Fui fazendo um tempo super tranquilo, sem muito esforço e aproveitando o velho percurso Pedro Álvares Cabral / Rubem Berta.
Sinceramente, a última coisa que eu vou lembrar é o tempo q levei para concluir a prova. Aprendi nos últimos anos que a melhor forma de se praticar a atividade física é fazer no ritmo que você quiser, sem pressões por baixar tempo, performance ou querer chegar entre os 30 primeiros.

Samsung10K São Paulo

Olá! Este domingo eu tive a oportunidade de participar da Corrida Samsung 10K. E cá entre nós, organização igual a da Corpore não tem, não é?
Impecável. Desde a chamada para a prova até o seu término. Foram 3 dias para retirada do Kit: Na sexta, no sábado e no domingo (dia da prova). A entrega de Kits no dia da prova é uma prática que TODAS (Ouviu Yescom?) as organizadoras deveriam utilizar, pois quem não tem tempo para retirar na semana e no sábado, pode  muito bem retirar no domingo (Pois não são tantas pessoas que vão deixar para retirar antes da prova).
A minha amiga Sheyla foi um exemplo: Me ligou no sábado super preocupada pois não conseguiu ir retirar o Kit. Eu logo avisei que a retirada também poderia ser no dia da prova. Lá estava ela às 7:00 da manhã. Retirada mais do que tranquila, e super cedo.
Eu também saí bem cedo, mas por causa do transito nas Nações Unidas (No mesmo dia tinha a prova do Circuito Athenas, e por isso a marginal estava interditada) atrasamos um pouco para chegar às imediações do Ibirapuera.
Graças ao espaço da Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo, a área de concentração é muito bem organizada, e pude encontrar todos os meus amigos que também iriam fazer a prova.
Nessa prova, em especial, fui acompanhando a Sheyla, pois era sua primeira prova de 10Km.
O meu sobrinho Daniel também nos acompanhou, e pudemos tweetar e dar vários check-ins durante o percurso….rsrsrs (Além das fotos, claro).

Ei, estou aí na foto, de camiseta azul 😛

O percurso foi a tradicional saída em frente a Assembléia Legislativa, seguida pela República do Líbano

Então voltamos e seguimos pela Pedro Álvares Cabral (Tem uma estátua do Pedrão aí à Direita)

Como a Sheyla estava iniciando, realizamos os 10K em 1:18. Não é um tempo perfeito, mas posso dizer para vocês: Não existe tempo perfeito. Conversamos tanto e vimos tantas coisas pela prova que o tempo para concluí-la foi a última coisa que pensamos.
Ah, não podia deixar de comentar sobre ela, a maldita subida da Rubem Berta (Porque em toda prova que passa pelo Ibirapuera ela aparece?)

Bem, fora isso tivemos a confraternização nos pós prova e todos se reuniram para comentar sobre o evento.
Gostei muito, e que venha a Corrida de Natal da Corpore!

VEM AÍ A CORRIDA QUE VAI INVADIR A CIDADE. SAMSUNG 10K (20/11/2011)


Opa! Mais uma corrida que vou participar este ano. Eu e mais quatro amigos vamos correr na Samsung (O nome tradicional é Zumbi dos Palmares, mas conforme o ano e o patrocinador, o nome chave desta corrida é alterado).
Serão 10KM´s nas proximidades do Parque do Ibirapuera. É uma corrida ideal para ir com a família, porque após o evento você pode ir ao parque e curtir a manhã com todo mundo lá. Fui no Ibirapuera neste último domingo e, apesar do tempo fechado, estava bem movimentado em pleno domingo às 17:00.
Além disso, várias ações como:
  • Estações de reciclagem: Uma idéia muito interessante, já que podemos ver inúmeros copos de plástico pelo chão, além dos resíduos que os corredores deixam, como sachês de carboidrato, papéis de anunciantes e as sacolas e embalagens dos kits de corrida.

  • Sustentabilidade: Será incluído no Kit uma sacola reciclável feita de PET, que particularmente eu acho muito bem vinda, pois se você não utilizar, pelo menos pode se conscientizar de que há como reduzir o consumo desenfreado de sacos plásticos (E já se adequar aos novos tempos)

  • Leilão de uma SmarTV: Doando 1Kg de alimento não perecível, você pode dar o seu lance mínimo para barganhar uma TV e de quebra ajudar o IVCL (Instituto Vanderlei Cordeiro de Lima, que oferece a oportunidade da prática esportiva e cultura a crianças e adolescentes carentes).
Tem tudo para ser um grande evento, e creio que muitos corredores irão participar desta prova.

Além disso, quem não corre pode participar da caminhada de 3,1KM. Então, trate de tirar o seu pai da cama neste próximo domingo (dia 20) para prestigiar a prova!

Mais informações no site oficial do evento:

07-08-2011 – Passeio do 23K

 

Sabe aquela manhã que você acorda com uma baita vontade de correr, mas não tem corrida programada? Pois então, acordei às 3:30 de uma manhã de Domingo, e comecei a pensar em um trajeto bem diferente.

Planejei ir do Parque do Ibirapuera até o parque da Independência, quando vi no Google Maps uma pequena área verde próxima ao centro: Era o parque da Luz.

Então pensei: Porque não correr por estes três parques nessa manhã. Algo que nunca tinha visto, e fiquei muito curioso para fazer, pois sempre que vamos ao parque, corremos dentro dele, e dificilmente ele é um ponto de partida para outra atividade.

Pois bem, às 5:50 eu já estava no parque do Ibirapuera. Super vazio, quase ninguém pelas ruas (A não ser a galera voltando das Baladas por aí) e só.

Esse treino foi tão bom, que meu Phone até travou, e a corrida acabou sendo registrada em duas etapas: Uma do Parque do Ibirapuera até a avenida do Estado, e outra da Avenida do Estado até o centro de SP.

O melhor de correr em Sampa em pleno domingo pela manhã é que esta cidade fica literalmente DESERTA a esta hora. Acho que (quase) todo mundo está dormindo até mais tarde, aproveitando o descanso merecido.

Com o preço das corridas cada vez mais caros, a solução agora é nos juntarmos e montarmos provas pelas ruas de SP sem a dependência das organizadoras, que estão subindo cada dia mais os valores das provas, devido à demanda aquecida e os novos entrantes.

Estou colocando algumas fotos daquela bela manhã de domingo Alegre

2011-08-07_07-10-14_5862011-08-07_07-22-32_201

Museu do Ipiranga às 7:30 da manhã

2011-08-07_07-52-08_148

Avenida do estado Vazia

2011-08-07_08-22-59_3762011-08-07_08-29-35_450

Parque da Luz. Vários chineses se exercitando de manhãzinha.

2011-08-07_08-53-25_905

Bairro da Luz

A Catuaba do Sertão

Só para constar: Quando passei pela Luz (Altamente não recomendado se você vai sozinho, às 8 da manhã), acabei parando em uma mercearia e procurando algo para tomar, quando me deparei com essa bebida. Nunca tinha visto antes, e resolvi experimentar. Rapaz!!!!! Como essa catuaba desce queimando, mas parece gengibre, ajuda a esquentar neste frio e até me deu uma forcinha para terminar os 7K. Rsrs.

Se alguém souber de outro lugar que venda isso me avise, pois quero beber de novo Smiley mostrando a língua

2011-08-07_08-44-58_189

%d blogueiros gostam disto: