Arquivos do Blog

Estou feliz por você fazer parte da minha vida

Hoje eu sou o homem mais feliz do mundo, pois eu tenho ao meu lado você, minha linda. Acordamos cedo, tomamos o café, e me peguei pensando em como o seu sorriso me encanta a cada dia que passa. O que seriam das manhãs sem esse seu olhar me fazendo acreditar que cada dia é melhor que o outro? Essa covinha, seu sorriso aberto e seus olhos quase fechados, demonstrando mais puro e sincero sorriso que eu já pude presenciar. Respondo à altura, olhando fixamente seus olhos, seus cabelos meio bagunçados e coloco algumas mechas para trás da sua orelha, como sempre gosto de fazer. Faço porque sei que você irá virar o seu rosto para a direita, aproximando seu queixo do ombro, e uma reação quase tímida toma conta de você. Os dias estão bem diferentes do que eram há anos atrás: e eu que achei que nunca iria combinar com alguém, que a procura por uma pessoa era algo quase impossível e aquele meu tom pessimista quando falava de relacionamentos me colocava sempre em desvantagem quando  assunto é conquista. Bem, não é que as coisas mudam mesmo? E pensar que, depois que nos conhecemos, que passamos por todas aquelas viagens malucas, os programas em cima da hora de sexta, as mensagens que me faziam sair aqui de longe para sua casa no sábado só porque a sua banda preferida iria tocar naquela praça, tudo isso parecia impossível de acontecer comigo, um cada que não gostava de coisas não planejadas, mas era você, e com você, eu aprendi que não existe só o 0 e o 1.

Ok, de início foi difícil para eu acreditar que você estava sentindo o mesmo que eu, era difícil para um cara que já foi desenganado no amor várias vezes perceber os sinais que há anos me pareciam apenas ruídos. Não me tocava quando você queria saber mais sobre mim, me mandava aquelas perguntas sobre o que eu via em uma mulher para ela se destacar, as mensagens que você me mandava de bom dia logo pela manhã ou aquelas visualizações frequentes no meu perfil. Mas eu comecei a me desarmar, claro, com a ajuda de muitos livros, os novos amigos que me fizeram enxergar isso, e claro, sua persistência em se mostrar interessada por mim. Claro, não foi da noite para o dia que eu me toquei: comecei a sair com maior frequência por causa de você, frequentei menos starbucks de lá pra cá, passei a ser mais explorador dos lugares que frequentamos e depois que você me ajudou a enxergar novas coisas, eu também percebi que eu precisava mudar, e mudei junto com você. Lembra de como você estava feliz quando recebeu aquele diploma? Sim, aquele que eu te ajudei por noites em claro a resolver aquelas contas, a formatar o texto e até fazermos aqueles almoços coletivos com os seus colegas da faculdade para adiantarmos aos sábados os trabalhos? Pois é, olha como tudo valeu a pena meu amor, não comentamos que mais para frente iríamos lembrar destes momentos? Rs. Entre risadas, lágrimas e pequenas brigas (claro, nem todos os casais são perfeitos) a gente vai construindo pedacinho a pedacinho esse mundo que chamamos de nosso.

Amor, o café está esfriando, não vai tomar? Ou vamos voltar para a cama, para dormir até às 10:00 da manhã nesse domingo ensolarado? Gosto do seu jeito, que me puxa pra fora da cama e me diz que temos que aproveitas cada momento que temos. Cada vez que você levanta antes de mim (que são poucas vezes, rs) eu me identifico mais com o seu jeito afobado de ser, já separando a roupa pro passeio e o tênis da corrida: se não fosse alguém como você, eu provavelmente estaria sozinho nesse mundo. Você me puxa pelo braço e me joga a camiseta da prova no meu rosto, me acelerando pra não perdermos a hora. Mas Amor, é só um treino, eu digo, e você toda séria responde que treino é treino. Olha, como não amar? 🙂

E no parque, conversamos sobre a semana, o que foi bom, o que não foi tão bom assim, e nos conhecemos mais a cada dia. É tão incrível que mesmo que conversamos todos os dias, via whatsapp, audio ou snap, ainda mantemos o alto astral numa conversa de fim de semana como se fôssemos um jovem casal se paquerando. Acho que isso é devido ao seu jeito curioso, essa sua forma de perguntar sobre tudo e de querer ajudar a todos. Eu achava estranho no começo, mas depois, via cada detalhe como um universo. Eu realmente me apaixono por você a cada dia. Bem, hora de voltarmos pra casa. E vamos comer fora? Se fosse por você, não teríamos cozinha na sala, né amor? Sempre tem um restaurante para se conhecer, amigos para nos encontrarmos e famílias para nos reunirmos. Lembra do último restaurante em que você fez questão de ir embora antes do prato chegar? Pois é, esse seu jeito nos colocou em casa uma nesses anos, hein? Eu sou mais paciente, só questiono quando vejo que algo está errado. Você consegue ser mais detalhista que eu, vê tudo e por já ter trabalhado com eventos, quer que todo serviço seja perfeito, não se contenta com algo abaixo da linha. Amor, você sabe que nem todo mundo tem o seu nível de comprometimento e entrega, tem que entender que as vezes as pessoas não vão entregar 100%, vão entregar 60% e se você reclamar, vão achar que você é que está errada. Bem, eu já te avisei, mas não posso deixar de admirar sua sina pela perfeição.

Eu me lembro bem de há alguns anos atrás, ficar triste olhando pela janela da minha casa aos domingos, achando que já não tinha jeito, que a vida tinha chegado ao seu limite e que aquela pessoa especial na minha vida tinha se perdido em algum lugar desse mundo. Mas aí você apareceu, e transformou minha vida pra melhor nesses dois anos. Agora, é só eu olhar pra você que você me devolve uma careta ou uma cara de séria, que logo depois de desfaz e entrega um sorriso que é quase uma pintura para os meus olhos. Você sabe que eu sempre fui apaixonado pelos seus olhos. Mesmo que você não goste quando outra garota de olhos puxados passe pela gente, achando que ela estava olhando pra mim, reitero aqui que só você tem esse conjunto mágico: olhos amendoados com essa marquinha, covinhas absurdamente lindas e esse jeito de jogar o corpo quando sorri que é marca registrada. Claro que não tem nada melhor que passar os dias contigo, me sentindo amado, feliz, e sabendo que você sente o mesmo, porque eu já disse que eu era o último cara verdadeiramente romântico que sobrou nessa vida. Lembra das flores que você recebeu, e achou que não era para você? Lembra-se de quando eu parei a Oscar Freire para te pedir em noivado, e você ficou pálida, sem reação? Agora você acredita no que eu disse, não é?

Hoje, te escrevo uma carta à mão porque você é especial, você não é só a mulher da minha vida, mas também é a mulher que mudou a minha vida. Não poderia ser mais grato por essa feliz coincidência do destino em ter nos colocado naquele aplicativo, e após tantos anos achando que não tínhamos nada a ver, estamos aqui, selando o nosso compromisso para a eternidade. Eu te desejo muitas felicidades, muitas alegrias, e que compartilhemos 1.000 vezes mais momentos felizes dos que já compartilhamos. Eu sei, hoje é apenas um domingo meu amor, mas pra mim, cada domingo contigo é uma vida vivida de alegrias.

Do seu eterno companheiro,

Isma

PS: Essa mulher nunca existiu, nem as situações acima descritas. Projeto futuros em minha mente e de vez em quando escrevo aqui estes microcontos

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: