Dicionário de Corredor

Vi no site da Simone (Endorfina) um dicionário interessante que gostaria de compartilhar com vocês, com algums inclusões minhas:

0-9

“a 4:30 por KM”: Essa expressão normalmente é utilizada para explicar o ritmo pretendido durante a prova. Como no exemplo acima, se você corre a 4:30/KM significa que você vai levar 4 minutos e 30 segundos para completar 1 KM.

A

Altimetria: representada por gráficos ou mapas, demonstra o relevo dos percursos das provas.

C

Canelite: dor na parte anterior da canela, normalmente está relacionada ao impacto constante ocorrido durante a prática da corrida.

E

Endorfina: substância produzida pelo cérebro e utilizada pelos neurônios para facilitar a comunicação com o sistema nervoso e outras células do corpo. A endorfina, produzida em resposta à atividade física, desperta a sensação de euforia e bem-estar (e dá nome ao blog da Simone).

F

Fartlek: treino em que o corredor alterna ritmos fortes e leves.

Frequência cardíaca máxima (FC Máx): determina o limite máximo que a frequência de batimentos cardíacos pode atingir com segurança. Também serve para determinar as frenquências cardíacas de diferentes tipos de treinamentos.

Frequencímetro: Aparelho responsável pela

G

Gasto calórico: aponta quantas calorias são gastas em um determinado tempo de exercício.

L

Lactato (ácido lático): resíduo metabólico produzido pelo organismo quando uma pessoa se exercita além do limiar anaeróbio.
Longão: treino em que o principal objetivo é a distância percorrida. Costuma ser realizado uma vez por semana, geralmente, aos sábados ou domingos.

O

Overtraining: também conhecido como síndrome de supertreinamento, ocorre quando o atleta força muitos seus treinos.

P

Pipoca: pessoa que não fez a inscrição para uma corrida mas mesmo assim participa da prova.

Pista: Jargão normalmente utilizado em provas por profissionais que estão atrás de você e necessitam de abertura de espaço para continuar o ritmo

Q

Quebrar: palavra utilizada quando um atleta perde as forças em determinado momento da prova e não consegue completar a corrida ou precisa diminuir o ritmo para chegar até o final.

S

Sprint: Ato de elevar o ritmo e frequência cardíaca obtendo uma melhoria de performance por um curto período de tempo.

T

Tempo-run: tempo em que um atleta percorre uma distância pré-determinada em ritmo contínuo e intensidade moderada a alta.

Teste esgoespirométrico: exame que mede os limiares, o VO2 máx e alguns outros parâmetros importantes para a prática de atividades físicas.

V
VO2 máximo: volume máximo de oxigênio que o corpo consegue consumir durante o exercício físico.

E você? Conheçe algum outro verbete desse maravilhoso idioma? 🙂 Comente.

Anúncios

Publicado em 14 de outubro de 2009, em Sem categoria e marcado como . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: